O empreendedorismo está em alta. A cada dia que passa, mais e mais pessoas decidem arriscar-se no mundo dos negócios, abrindo sua própria empresa e lançando suas ideias ao mundo. Essa tendência, que provavelmente seguirá aumentando nos próximos anos, é decorrente da mudança de mentalidade das novas gerações com relação ao que é sucesso, associada a uma crise econômica de escala mundial. Em tempos de dificuldade, o empreendedorismo por necessidade cresce bastante.

Entretanto, nem tudo é um mar de rosas quando o assunto é ser um empreendedor. Lançar-se nesse mundo demanda muito estudo, disciplina e perseverança. Segundo dados de 2013 do IBGE, metade das empresas abertas no Brasil fecham suas portas após apenas 4 anos de atividade. Por isso, é preciso desenvolver, acima de tudo, pensamentos, atitudes e hábitos empreendedores para se dar bem e fazer seu negócio decolar e, mais importante do que isso, manter-se estável no mercado.

Se você pensa ser um empreendedor, continue a leitura de nosso post de hoje, que traz 6 hábitos que vão te auxiliar muito nessa caminhada. Confira!

Leia muito

Pouquíssimas pessoas em nosso país têm o hábito da leitura. Porém, acredite: desenvolvê-lo pode trazer muitos benefícios a quem deseja ser um empreendedor. Acostume-se a ler pelo menos uma página de um livro por dia, bem como a acessar diariamente portais de notícias, blogs e páginas de empreendedores influentes que você admira e que sejam do seu interesse.

A leitura estimula a criatividade, ajudando você a ter ideias inovadoras e a encontrar solução para problemas que, à primeira vista, podem parecer insolúveis. Além disso, ler também mantém você atualizado sobre o que está acontecendo no mundo, as tendências de mercado e o que as pessoas andam buscando. Ou seja, ler deixa você muito mais preparado para empreender.

Acorde cedo

Como já diz o velho ditado, “Deus ajuda quem cedo madruga”. Claro que você não precisa pular da cama todos os dias às 5 horas da manhã, mas acostume-se a não ficar enrolando embaixo dos lençóis até o último minuto possível, tendo que sair esbaforido de casa.

Se possível, acorde pelo menos 2 horas antes do horário que você precisa sair. Faça as coisas com calma, arrume sua cama, tome um banho revigorante e um bom café da manhã. Passeie com seu cão — se você tiver um — e reserve um tempo para ler as notícias do dia. Você perceberá o quanto sua produtividade e foco aumentarão com a incorporação desse hábito.

Desconecte-se e arranje tempo para si mesmo

Vivemos na era da hiperconectividade, recebendo enxurradas de informações a todo o momento, seja no smartphone, tablet ou computador. Isso tudo nos deixa exaustos ao final do dia e, mais ainda, ao final da semana.

Para manter sua mente equilibrada, reserve um tempo para se desconectar de tudo e de todos. Desligue seu celular, ponha uma música que você gosta e relaxe. Você pode, inclusive, aproveitar esse momento para praticar técnicas de meditação e mindfulness, que são comprovadamente eficientes quando o assunto é esvaziar a mente, aumentando sua capacidade mental no resto do dia.

Aos finais de semana, dedique-se ao lazer e à companhia das pessoas que são importantes para você. Não é porque você deseja ser um empreendedor que precisa pensar sobre isso o tempo todo. Desligar-se, inclusive, pode ser extremamente útil na hora de ter novas ideias e insights. Seu cérebro e seu corpo agradecem.

Mantenha uma atitude positiva

Não há verdade mais absoluta do que essa no mundo do empreendedorismo: você vai se deparar com obstáculos e problemas. Isso faz parte do processo, e você terá aprender a enxergar os perrengues de maneira positiva e construtiva. O que essa situação vem lhe ensinar? Como você pode solucioná-la da melhor maneira?

Manter uma atitude positiva e tranquila diante das coisas ruins que acontecerem no seu caminho, é uma característica superimportante na hora de tornar-se um empreendedor de sucesso. Mantenha o controle, aguente a pressão, seja persistente e enxergue além.

Atualize-se constantemente

No mundo do empreendedorismo tudo está em constante mudança. Uma ideia de negócios incrivelmente inovadora hoje já estará defasada amanhã. Por isso, mantenha-se constantemente atualizado sobre sua área de atuação.

Leia tudo o que está sendo lançado sobre o assunto, participe de workshops, feiras e congressos da área e inscreva-se em cursos de aperfeiçoamento. Nunca pare de buscar conhecimento. Esse hábito, além de, com o tempo, tornar você um especialista no assunto, aumentará enormemente seu networking, fazendo com que você construa uma base sólida de contatos na área e desenvolverá sua visão empreendedora.

Tenha um caderno de anotações

Nunca podemos prever quando uma grande ideia ou a solução para um problemão irão surgir. Por isso, acostume-se a carregar sempre com você um pequeno caderno de anotações. Escreva ali seus insights, ideias, reflexões e pensamentos empreendedores. Se você achar papel muito ultrapassado, existem aplicativos gratuitos para smartphones, que permitem que você escreva ou grave suas ideias de maneira bem organizada. Você pode se surpreender com o que pode tirar desse hábito.

Deixe alguns hábitos de lado

Apesar de os 6 hábitos listados acima poderem lhe auxiliar enormemente a ser um empreendedor, é necessário esclarecer que alguns outros hábitos devem ser deixados de lado para que seus esforços sejam válidos.

Se você tem o costume de procrastinar para iniciar tarefas, é desorganizado, não é pontual na hora de cumprir seus compromissos ou faz promessas que não poderá cumprir, está na hora de rever suas atitudes e mudar. Esses são hábitos extremamente prejudiciais não apenas ao seu objetivo maior de tornar-se um empreendedor, mas à sua vida em geral.

Obviamente, mais difícil do que incorporar novos hábitos à nossa rotina é desfazer-se dos antigos, que podem estar conosco desde a infância. Porém, como dito na introdução desse post, para ser um empreendedor bem-sucedido é necessário muito empenho, disciplina e esforço. Dê um passo de cada vez e não desista. O sucesso está logo ali à frente!

Você gostou desse conteúdo? Então talvez você tenha interesse em saber se é necessário ter um diploma para começar seu próprio negócio. Leia mais sobre esse assunto nesse artigo do nosso blog!

Guia completo para planejar e organizar a vida de universitário